terça-feira, setembro 30, 2014

Aumento de casos de HIV entre adolescentes preocupa vereadores em São Sebastião




Foto: Celso Moraes/CMSS
Dados de 18 novos casos foram apontados durante prestação de contas da Secretaria de Saúde em audiência na Câmara Municipal

O surgimento de 18 novos casos do vírus HIV (Aids), a maioria entre  adolescentes de São Sebastião, apontado por profissionais do Centro de Infectologia do Município durante balanço de prestação de contas da Secretaria Municipal de Saúde, referente ao 2º quadrimestre, preocupou os vereadores que participaram da Audiência Pública realizada no último dia 25, na Câmara Municipal, para exposição dos trabalhos nesse período. Além desse dado, também houve aumento de 4 para 7 casos, este no, de sífilis congênita em menores de um ano e casos de violência sexual doméstica também  é preocupante. Apesar da redução nas notificações, que caíram de 80 para 53 casos, a maior parte atinge menores de 18 anos e os casos de abuso sexual também têm aumentado com menores de 5 anos, explicou a psicóloga Maria Guimarães Corrêa da Silva, presidente do Comitê de Vigilância à Violência criado em 2009 na rede de saúde.
A audiência, presidida pelo vereador Gleivison Gaspar (PMDB), contou com a presença do secretário de Saúde, Urandy Rocha Leite, do secretário-adjunto, Marcos Salvador Mathias, dos responsáveis por todos os setores da saúde pública, inclusive do Hospital de Clínicas de São Sebastião, e do presidente da Fundação de Saúde Pública, Antonio Nisoli, além dos parlamentares Marcos Fully (PP), Onofre Neto (PHS), Simei da Silva Ferreira (SD) e o vereador do PSB, Edivaldo Pereira Campos (Teimoso). A prestação de contas da Fundação Municipal de Saúde foi feita em conjunto com a da Secretaria de Saúde neste quadrimestre, mas a proposta é desmembrá-la na próxima audiência, como explicou Nisoli.
Durante a audiência, foram prestadas informações de obras e reformas como em unidades da Estratégia de Saúde da Família (ESF), apresentado panorama da situação dos processos em andamento e concluídos feito pelo responsável do Setor de Avaliação e Controle Wilmar Prado. Ele também expôs os dados da Central de Regulação e dos setores da rede que conta com 769 funcionários na Secretaria de Saúde, 466 no Hospital de Clínicas de São Sebastião e 165 na Fundação Municipal de Saúde.

Preocupação
                No entanto, entre os dados apresentados, chamou a atenção e causou preocupação o índice apontado pelo Centro de Infectologia de São Sebastião (Cemin) de 18 novos casos do vírus HIV (Aids), a maioria entre adolescentes como explicou o secretário-adjunto, Marcos Salvador. O dado foi considerado preocupante pelo vereador Marcos Fuly que pediu informações sobre as causas e alertou para a necessidade de retomar ampla divulgação, principalmente entre os jovens e nas escolas, para a necessidade do uso de preservativos.
  O vereador Neto questionou se os aumentos de casos de HIV estariam relacionados ao uso de drogas. Porém, Dr. Marcos explicou que atualmente o uso maior não é por drogas injetáveis e sim crack e outras substâncias inaladas, sendo que o vírus foi por transmissão sexual. Daí a necessidade de intensificar as campanhas de prevenção. Neto também abordou a preocupação em qualificar profissionais para abordagem aos dependentes químicos.
 O secretário adjunto explicou que foi iniciado um trabalho, em conjunto com a Secretaria de Trabalho e Desenvolvimento Humano (Setradh), para atendimento aos usuários de drogas da Praia do Deodato, atendendo sugestão do vereador Gleivison que abordou o problema em seus trabalhos no Legislativo. A ação no local, feita por profissionais da saúde, tem contribuído para encaminhar alguns dependentes para tratamento. Gleivison questionou se existe, também, trabalho de atendimento voltado aos homens em situação de rua que tem aumentado na cidade. “A situação está insustentável”, afirmou o vereador, mas ainda não foi possível colocar em prática programa incluindo outros setores municipais para atendimento nessa área, explicou o secretário-adjunto.
Outro dado preocupante foi o aumento de casos de sífilis congênita em menores de um ano e a questão da violência doméstica abordada pela psicóloga e presidente do Comitê de Vigilância à Violência, Maria Guimarães. Ela citou que, apesar da redução nas notificações do 1º para o 2º quadrimestre de 80 para 53, aumentou o número de casos de violência contra menores e de abusos sexual com crianças com menos de 5 anos. Ela explicou que a predominância das notificações é na Costa Sul, pois há problemas para notificação de casos ao longo do município.
A psicóloga alertou, ainda, para os casos de suicídios entre jovens, principalmente meninas na faixa entre 11 e 14 anos, o que mostra uma “mudança de paradigma nos dados da violência doméstica nos últimos dois anos no município, de uma maneira geral, e ainda com tentativas de reincidências de casos de suicídio”. Ela também citou casos de automutilação por adolescentes motivados até por fatores como ansiedade e o fato de a maioria dos jovens estar se sentindo abandonada pela sociedade, pela família, o que tem levado à uma falta de perspectiva de vida. O vereador Gleivison Gaspar pediu a atenção do secretário de Saúde no sentido de apoiar o Conselho Tutelar que, de acordo com relato do parlamentar, está em situação precária e sem condições de atendimento adequado à população.
Ao apontar os trabalhos realizados na área de saúde mental, o responsável pelo setor e coordenador dos Centros de Atenção Psicossociais (CAPSI  e CAPS AD), psicólogo Ubirajara Nascimento, ressaltou a importância do primeiro acolhimento aos pacientes e destacou a atuação do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que atendeu 92 casos psiquiátricos, dos quais 15 relacionados a psicoses e 5 tentativas de suicídio. No balanço geral, o Samu realizou 3.689 atendimentos, dos quais mais de 2.800 casos clínicos e 465 traumas. Desses 244 provocados por acidentes de trânsito, sendo 95 envolvendo motociclistas, informou André Luís da Silva Leandro, coordenador geral do Samu.

Atuações
Entre as novidades apontadas durante a audiência, foi destacada a instituição do Programa Rede Cegonha, do Governo Federal, realizado de forma compactuada,  o trabalho da Comissão de Controle de Infecção Ambulatorial, criada em 2013, e a reformulação que está sendo realizada pela Vigilância Sanitária no sistema de informação, que é estadual, e vai migrar para a web facilitando a transparência das informações dos trabalhos desenvolvidos pelo setor, informou Geórgia Mechelucci, chefe da Vigilância Sanitária.
Em relação à Vigilância Epidemiológica, outra mudança é que as questões envolvendo o combate à dengue ficarão sob a responsabilidade do Centro de Controle de Zoonose que já realizou, neste quadrimestre, mais de 5.500 visitas e 3.156 nebulizações. Sobre os casos de dengue na cidade, de 3.021 notificações no período, foram confirmados 851 casos registrados principalmente em Boiçucanga, na Costa Sul, e no bairro São Francisco, região central. Outro dado que já havia sido anunciado pelo setor de Vigilância Epidemiológica é o fato de todo o município ser considerado infestado por criadouros do mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, tanto que não há mais delimitação de focos e armadilhas.
Também foram apontados dados positivos de cobertura da Atenção Básica e de Saúde Bucal acima dos preconizados pelo Ministério da Saúde. Já, os casos de obesidade tanto em adultos quanto crianças também preocupam a Secretaria de Saúde, e,  apesar do registro de 14 novos casos de tuberculose, a Secretaria de Saúde será premiada esta semana, em São Paulo, pelo desempenho na atuação dos casos e dos tratamentos de pacientes.

Pedidos
            O vereador Simei pediu informações sobre as contratações emergenciais da Fundação de Saúde. O presidente Antonio Nisoli explicou que houve necessidade de suprir o número de vagas de auxiliar de saúde bucal para preencher os cargos existentes uma vez que o número de aprovados não foi suficiente para completar o quadro. Segundo Nisoli, também haverá necessidade de novas vagas para médicos 40 horas para atender a demanda. No entanto, a Secretaria de Saúde aguardará para lançar edital de processo seletivo para, quando o fizer, incluir todos os cargos necessários.
Já o vereador Fully pediu ao secretário de Saúde a possibilidade de abrir horários para sessões de hidroterapia do Centro de Reabilitação da Topolândia no período da tarde para atender as crianças que estudam pela manhã. O vereador Teimoso, por sua vez, reclamou do atendimento do servidor na Farmácia do bairro. O secretário disse que já foram tomadas providências nesse sentido e que três farmacêuticos serão contratados.

Fonte: CMSS

domingo, setembro 28, 2014

Policia Federal lança edital com 600 vagas para agentes



Período para as inscrições vai de 6 a 26 de outubro no portal do Cespe. Prova está marcada para o dia 21 de dezembro
Brasília, 26/9/14 - Saiu nesta sexta-feira (26) o edital para o concurso de agente da Polícia Federal (PF). Serão selecionados 600 novos policiais.
O concurso terá 5 etapas: prova objetiva, prova discursiva, exame de aptidão física, exame médico e exame psicológico.
As provas são de caráter eliminatório e classificatório, e estão marcadas para o dia 21 de dezembro.
O período de inscrição vai de 6 a 26 de outubro no portal do Centro de Seleção e Promoção de Eventos da Universidade de Brasília (Cespe/UnB). http://www.cespe.unb.br/concursos/dpf_14_agente/

Ministério da Justiça 

sábado, setembro 27, 2014

Petrobras abre processo seletivo para preencher 663 vagas



A Petrobras divulga edital para novo processo seletivo público (PSP-RH 2014.2), com o objetivo de preencher 663 vagas. Do total, 575 vagas são para cargos de nível médio e 88 vagas para cargos de nível superior.
As inscrições estarão abertas até o dia 20 de outubro e são realizadas somente pelo site da Fundação Cesgranrio www.cesgranrio.org.br. O valor das inscrições é de R$ 40,00 para cargo de nível médio e R$ 58,00 para nível superior. As provas objetivas estão previstas para acontecer em 07/12/2014.
Dentre os cargos que exigem nível médio, os com maior número de vagas disponíveis são Técnico(a) de Operação Júnior, com 151 vagas, e Técnico(a) de Manutenção Júnior – Mecânica, com 61 vagas. O maior número de vagas para cargos que exigem nível superior é para Engenheiro(a) de Equipamentos Júnior – Mecânica, 23 vagas, seguido por Engenheiro(a) de Petróleo Júnior, com 21 vagas.
A garantia de remuneração mínima para cargos de nível médio é de R$ 2.821,96 e, para cargos de nível superior, de R$ 7.501,06.
A Petrobras oferece previdência complementar (opcional), plano de saúde (médico, hospitalar, odontológico, psicológico e benefício farmácia), além de benefícios educacionais para dependentes, entre outros.
O processo seletivo terá validade de seis meses, podendo ser prorrogado por igual período. O edital completo, com quadro de cargos, polos de trabalho, localidades, vagas, cidades de provas, requisitos e remuneração pode ser consultado nos sites da Petrobras www.petrobras.com.br ou da Fundação Cesgranrio www.cesgranrio.org.br .

Fonte: Agência Petrobras 

quinta-feira, setembro 25, 2014

FPSO Cidade de Ilhabela iniciou navegação em direção ao campo de Sapinhoá



Fotos: Agência Petrobras

O consórcio QGOG (Queiroz Galvão Óleo e Gás) / SBM (Single Buoy Moorings Inc.), contratado pela Petrobras para construir e operar o FPSO Cidade de Ilhabela, deu início neste domingo, dia 21/09, à saída da unidade da Baía de Guanabara, com destino ao campo de Sapinhoá no Polo Pré-Sal da Bacia de Santos, no litoral do estado de São Paulo.

Com conteúdo local previsto de 65%, o Cidade de Ilhabela teve 13 módulos construídos no Brasil: três na EBSE-Nuclep, em Itaguaí, e dez no estaleiro Brasa, em Niterói, onde também foram realizadas as operações de integração e o comissionamento final da unidade.

Ancorado a 310 km da costa do Rio de Janeiro, em águas com profundidade de 2.140 m, o Cidade de Ilhabela será conectado a oito poços produtores e sete poços injetores. A unidade terá capacidade de produzir até 150 mil barris de óleo por dia (bpd), comprimir até 6 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia e armazenar 1,6 milhão de barris de petróleo. Além disso, sua capacidade de injeção será de 180 mil barris de água por dia. A previsão é que a plataforma entre em produção no quarto trimestre deste ano.

A área de Sapinhoá, orginalmente denominada Guará, está localizada no bloco exploratório BM-S-9, no Polo Pré-Sal da Bacia de Santos. A Petrobras é operadora do consórcio que desenvolve o BM-S-9 (45%), em parceria com a BG E&P Brasil Ltda (30%) e Repsol Sinopec Brasil SA com (25%).

FPSO (Floating Production Storage Offloading Unit) é a sigla em inglês que identifica uma unidade flutuante de produção, armazenamento e transferência de óleo. Trata-se de um navio-plataforma com capacidade para separar o óleo do gás e da água durante o processo de produção, armazená-lo nos tanques de carga para, finalmente, transferi-lo para navios petroleiros, que serão os responsáveis pelo seu transporte. Além disso, o gás produzido será exportado para terra via gasoduto.

Fonte: Agência Petrobras 

quarta-feira, setembro 24, 2014

TJSP publica edital para escrevente técnico judiciário



 O Diário da Justiça Eletrônico disponibilizou nesta quarta-feira (24) edital de abertura de concurso público para escrevente técnico judiciário na 1ª Região Administrativa Judiciária. As inscrições devem ser feitas até o dia 24 de outubro, pelo site da Vunesp (www.vunesp.com.br). O valor da taxa é de R$ 50. 

São 471 vagas distribuídas na capital e mais 30 comarcas. O candidato deve ter mais de 18 anos e ter concluído o ensino médio até a data da posse, entre outras condições. A jornada de trabalho é de 40 horas semanais com vencimentos de R$ 3.878,07, mais auxílios para alimentação, transporte e saúde.

        Comunicação Social TJSP – CA (texto)

sexta-feira, setembro 19, 2014

Sabesp apoia “Dia Mundial de Limpeza dos Rios e Praias” em Caraguá e São Sebastião

Este é o 13º ano que a Sabesp participa da ação ambiental

  Em 2014 foram doados 800 sacos plásticos e 800 pares de luvas para a limpeza de 22 praias da região, que será realizada no próximo sábado (22/09)

A Sabesp participará no próximo sábado, 20 de setembro, do “Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias” – um dos maiores eventos mundiais de educação ambiental, do qual a Companhia de Saneamento Básico é parceira no Litoral Norte há 13 anos. A empresa destinará sacos plásticos e luvas descartáveis a 800 voluntários que participarão do mutirão de limpeza das praias da região.

     A iniciativa do Instituto Terra & Mar em parceria com a ONG ACAJU contemplará 22 praias da região, entre elas Enseada, Canto do Mar, São Francisco, Arrastão, Praia Deserta, Porto, Deodato. Araçá, Cabelo Gordo, Segredo, Barequeçaba, Guaecá, Boiçucanga, Barra do Sahy, Barra do Una, Juréia e Boraceia, em São Sebastião; Porto Novo, Palmeiras, Flexeiras, Indaiá e Cocanha, em Caraguatatuba.

     Conforme explicou Shirley Pacheco de Souza, do Instituto Terra & Mar, “as equipes de voluntários limparão as praias separando e catalogando as diferentes categorias de lixo. Além de ser um mutirão de limpeza, esta campanha é uma importante forma de conscientização, no sentido de educar a população sobre as consequências do descarte inadequado de resíduos sólidos”, destacou.

     Para a gestora de educação ambiental da Sabesp no Litoral Norte, Diná Moreira Santos, participar do “Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias” é muito importante para a companhia. “Não se trata apenas do ato de limpar a praia, mas de contribuir para o meio ambiente e para o exercício da cidadania, por meio dos voluntários que neste ano atuarão em 22 praias de nossa região. Este é o 13º ano que somos parceiros da iniciativa, e causas como esta terão sempre o apoio da empresa”, destacou.

     O “Dia Mundial de Limpeza de Rios e Praias”, realizado há 29 anos em vários países, foi idealizado pela ONG norte americana “The Ocean Conservancy”.
  

Fonte: Sabesp