segunda-feira, julho 29, 2013

Índice de municípios brasileiros com IDHM médio e alto chega a 74%

Ivan Richard
Repórter da Agência Brasil
Brasília – Nas últimas duas décadas, o Brasil aumentou 47,5% o seu Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM), passando de 0,493, em 1991, - considerado muito baixo – para 0,727, em 2010, o que representa alto desenvolvimento humano, conforme o Atlas do Desenvolvimento Humano Brasil 2013.
Em 1991, 85,5% das cidades brasileiras tinham IDHM considerado muito baixo. Em 2010, o percentual passou para 0,6% dos municípios. De acordo com o levantamento, em 2010, o índice de municípios com IDHM considerado alto e médio chegou a 74%, enquanto em 1991, não havia nenhuma cidade brasileira com IDHM alto e 0,8% apresentava índice médio. Pela escala do estudo, é considerado muito baixo o IDHM entre 0 e 0,49, baixo entre 0,5 e 0,59; médio de 0,6 e 0,69, alto 0,7 e 0,79 e muito alto entre 0,8 e 1,0.
Valter Campanato/ABr
O IDHM é o resultado da análise de mais de 180 indicadores socioeconômicos dos censos do IBGE de 1991, 2000 e 2010. O estudo é dividido em três dimensões do desenvolvimento humano: a oportunidade de viver uma vida longa e saudável [longevidade], ter acesso a conhecimento [educação] e ter um padrão de vida que garanta as necessidades básicas [renda]. O índice varia de 0 a 1, sendo que quanto mais próximo de 1, maior o desenvolvimento humano.
De acordo com o Atlas do Desenvolvimento Humano Brasil 2013, elaborado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), em parceria com o Instituto de Pesquisa Econômica e Aplicada (Ipea) e a Fundação João Pinheiro, o Brasil conseguiu reduzir as desigualdades, principalmente, pelo crescimento acentuado dos municípios menos desenvolvidos das regiões Norte e Nordeste.
“A fotografia do Brasil era muito desigual. Houve uma redução, no entanto, o Brasil tem uma desigualdade amazônica, gigantesca, que está caindo. O Brasil era um dos países mais desiguais do mundo, continua sendo, mas houve uma melhora. Podemos antecipar um futuro melhor”, frisou o presidente do Ipea e ministro interino da Secretaria de Assuntos Estratégicos, Marcelo Neri.
Principal responsável pelo crescimento do índice absoluto brasileiro, o IDHM Longevidade acumulou alta de 23,2% entre 1991 e 2010. O índice ficou em 0,816, em 2010. Com o crescimento, a expectativa de vida do brasileiro aumentou 9,2 anos, passando de 64,7 anos, em 1991, para 73,9 ano, 2010.
“A melhoria da expectativa de vida é muito significativa. Um brasileiro que nasce hoje tem expectativa de vida nove anos maior o que era há 20 anos, principalmente por uma queda na mortalidade infantil”, explicou o representante do Pnud no Brasil Jorge Chediek.
Os municípios catarinenses de Blumenau, Brusque, Balneário Camboriú e Rio do Sul registraram o maior IDHM Longevidade, com 0,894, e expectativa de vida de 78,6 anos. As cidades de Cacimbas (PB) e Roteiro (AL) tiveram o menor índice (0,672) e expectativa de 65,3 anos.
O levantamento aponta ainda que a renda per capita mensal do brasileiro cresceu R$ 346 nas últimas duas décadas, tendo como base agosto de 2010. Entre 1991 e 2010, o IDHM Renda evoluiu 14,2%, contudo, 90% dos 5.565 municípios brasileiros aparecem na categoria de baixo e médio desenvolvimento nesse índice.
Apesar do crescimento, a desigualdade fica clara quando comparados os extremos do indicador. O município de São Caetano do Sul (SP), primeiro colocado no IDHM Renda, registrou renda per capita mensal de R$ 2.043, o último colocado, Marajá do Sena (MA), obteve R$ 96,25. Uma diferença de mais de 20 vezes.
O IDHM Educação, apesar registrar a menor contribuição para o IDHM absoluto do país, passou de 0,278, em 1991, para 0,637, em 2010. O crescimento foi impulsionado, segundo o atlas, pelo aumento de 156% no fluxo escolar da população jovem no período.


Edição: Beto Coura // Matéria alterada às 17h30 para correção de informações. O Índice de Desenvolvimento Humano Municipal (IDHM) cresceu 47,5% entre 1991 e 2010, e não 47,8%, como o texto informava. Além disso, o título dizia que o indicador quase dobrou em 20 anos, enquanto o correto é que o índice cresceu quase 50% no período.

Fonte: Agência Brasil 

Fundacc está com inscrições abertas para 2º Festival de Viola Caipira de Caraguatatuba

A Fundacc (Fundação Educacional e Cultural de Caraguatatuba) está com inscrições abertas para o 2º Festival de Viola Caipira de Caraguatatuba “Viola de Ouro”, que será realizado no dia 24 de agosto (sábado) a partir das 14h na Praça Dr. Cândido Motta, no Centro de Caraguatatuba.  
O festival é aberto ao público e haverá premiação em dinheiro para os três primeiros colocados (R$ 2 mil, R$ 1 mil e R$ 800 respectivamente). Podem participar do concurso duplas ou trios com viola caipira, violão e/ou acordeom.   
Para se inscrever é necessário baixar a ficha de inscrição no site www.fundacc.com.br e entregar junto com a música escolhida gravada em CD e uma cópia digitada impressa da letra na íntegra, constando o título da música e nome(s) do(s) autor(es), idêntica ao material gravado, na sede da Fundacc (Rua Santa Cruz, nº 396, no Centro), de segunda a sexta-feira, das 9h às 12h e das 13h30 às 17h até o dia 9 de agosto. Também é possível remeter o material pelo correio, respeitando o prazo de inscrição. 
A lista com as vinte duplas ou trios selecionados pela Comissão de Seleção será divulgada no dia 16 de agosto, no Quadro de Avisos Gerais da Fundação. As informações completas do festival estão disponíveis no link Editais e Licitações no site da Fundacc. Mais informações (12) 3897.5661. 

Fonte: Fundacc

sábado, julho 27, 2013

VI Festa Tradicional dos Castelhanos é neste sábado


Os moradores da comunidade caiçara da Baía dos Castelhanos promoverão a “VI Festa da Praia dos Castelhanos”, a partir das 20h deste sábado (27/7). A última lua cheia de julho promete iluminar o evento para arrecadar fundos para benfeitorias na comunidade. O acesso à comunidade da Praia dos Castelhanos geralmente é feito apenas pelo mar ou por veículos tracionados pela estrada de terra de cerca de 20 km.
 
A festa contará com barracas bebidas, doces, além de diversões e brincadeiras para as crianças e uma especial queima de fogos.
 
Para animar a festa, a banda “Forró Bolly” apresentará seu repertório especialmente preparado para o evento, que é realizado pela parceria da comunidade com a Prefeitura de Ilhabela, por meio da Secretaria da Cultura, e da Fundaci (Fundação Arte e Cultura de Ilhabela).
 
Fonte: PMI

sexta-feira, julho 26, 2013

4º Festival da Tainha começa no dia 26 de julho e traz banda “Farofa Carioca” em Ilhabela


O 4º Festival da Tainha de Ilhabela será promovido nos dias 26, 27 e 28 de julho, na Praia Grande, no sul do município, e também nos dias 3 e 4 de agosto, na Praia de Santa Teresa, no Centro de Apoio ao Pescador, próximo à Vila. Além de pratos a base do pescado, o festival terá uma programação com apresentação de músicos locais e o show do grupo “Farofa Carioca”, no dia 27 de julho (sábado), às 22h.
 
O evento é promovido pela Prefeitura de Ilhabela, com a organização da Secretaria de Turismo e Fomento, em parceria com a comunidade pesqueira. O público poderá conferir pratos típicos da culinária caiçara e porções, numa praça de alimentação montada tanto no sul como na Praia de Santa Tereza, de forma a valorizar a cultura local e dar oportunidade para a comunidade de pescadores comemorar a época da pesca da tainha.
 
Farofa Carioca – Há quinze anos, o Farofa Carioca vem misturando vários ritmos, como samba, funk, jongo, rock, jazz, rap, reggae e xote. O grupo traduz em música o traço mais marcante da cultura brasileira: a combinação de influências diversas, que forma um gênero democrático, irreverente e original. 
Um suingue contagiante e letras que falam da realidade do Brasil, ingredientes de uma mistura irresistível e bem brasileira: este é o Farofa Carioca.
 
Fonte: PMI

quinta-feira, julho 25, 2013

CIDE Centro: educação, cultura e esporte em um só lugar



 Cerca de 10 mil moradores da região Central de Caraguá (Tinga, Poiares e Gaivotas) serão beneficiados com a implantação do CIDE (Centro Integrado de Desenvolvimento Educacional). A nova unidade, que será inaugurada dia 27/7/2011, às 10h, proporcionará ensino de qualidade, esporte e cultura em tempo integral. O CIDE Centro recebe o nome Ministro Paulo Renato Souza, em homenagem ao ex- ministro da Educação.

Foto: Gianni D'Angelo/PMC
O CIDE Centro possui 11 mil m2 e foi construído em uma área com mais de 16 mil m², no bairro do Tinga. O complexo educacional, com mais de 5.200 m2, é formado pelo CEI (Centro de Educação Infantil) e EMEI (Escola Municipal de Educação Infantil) Profª Maria Elma Mansano e EMEF (Escola Municipal de Educação Fundamental) Profª Maria Aparecida de Carvalho. Ao todo são 22 salas de aulas, pátio coberto e refeitórios exclusivos por idade.

Infantil – O CEI/EMEI do CIDE terá fraldários, nove salas de aula amplas e bem iluminadas, salas de amamentação, lactários, depósitos, solários, escaninhos (armários), pátio coberto, refeitório, pátio externo e banheiros equipados com banheiras e duchas.

A educação infantil terá capacidade para atender cerca de 300 crianças, mas receberá, inicialmente, 160 alunos do berçário ao ensino infantil (5 anos) que serão transferidos do CEI Jardim Primavera.

A diretora do CEI/EMEI, Crystiane Bueno Ciaca, disse que a unidade contará com 52 funcionários, entre equipe técnica, professores (10) e ADIs (31). Crystiane nos últimos cinco anos foi vice-diretora da EMEF Profª Maria Thereza de Souza Castro.

Fundamental – A Emef tem dois pavimentos que alojam 13 salas de aula e banheiros. A capacidade de atendimento é de 400 estudantes, mas, inicialmente, estudarão na nova unidade 144 alunos do 6º ao 9º anos, que serão transferidos da EMEF João Baptista Gardelin, no Poiares, EMEF Lúcio Jacinto dos Santos, no Tinga, e EMEF Maria Moraes de Oliveira, do Jardim Gaivotas.

O espaço contará ainda com sala de leitura, biblioteca, laboratórios de informática e de ciências, auditório para 250 pessoas com camarins e sanitários. No pavimento térreo também haverá uma cozinha para atender o complexo educacional.

A diretora da EMEF do CIDE Centro, Jéssica Heloisa da Silva Nery, que desde 2009 ocupava o cargo de vice-diretora da EMEF Luiz Ribeiro Muniz, disse que a unidade contará com cerca de 35 funcionários sendo 15 professores.

O prefeito Antonio Carlos disse que o CIDE será entregue à população com um conceito inédito de educação em tempo integral, para ser referência a outros municípios. “Desde o CEI, para o desenvolvimento do intelecto de nossas crianças, até o 9º ano do Ensino Fundamental, com acesso à boa alimentação, esportes e cultura em um só lugar. Idealizamos uma escola, na qual gostaríamos que nossos filhos estudassem e onde a comunidade possa ser atendida com carinho, respeito e esmero.

Equipe – Aproximadamente, 200 profissionais da área de educação trabalharão no CIDE Centro, entre professores, psicólogos, fonoaudiólogos, terapeutas ocupacionais, assistentes sociais, agente administrativo, auxiliares de desenvolvimento infantil, diretor, vice-diretor, estagiários, inspetores de alunos, vigias, auxiliares de limpeza e as cozinheiras do projeto Tempero de Mãe.

As diretoras Jéssica e Crystiane disseram que estão muito ansiosas e entusiasmadas com a nova missão e que sabem da responsabilidade que assumiram. “O CIDE é o sonho de todo profissional da área da educação, um espaço idealizado, pensado e construído para melhorar a qualidade do atendimento prestado aos alunos, ampliando o tempo de permanência em período integral”, afirmaram.

O casal Ana Cristina Santos e Neyllo Rodrigues Martins, pais de João Henrique, 7 anos, contou que a expectativa é grande sobre a nova escola, principalmente porque a rotina do filho terá alterações. “Ele teve que abrir mão dos treinos de futebol porque vai estudar em período integral”, disse o pai.

Esportes – O núcleo de Educação Esportiva tem piscina (25m X 12,5m X 2m), quadra coberta e um campo de futebol society. No total, são mais de 2.500 m2 destinados ao esporte e que atenderão alunos e comunidades.

Presente – O CEI Profª Maria Elma Mansano terá vários cantinhos temáticos onde as crianças podem interagir e aprender enquanto brincam. Os espaços foram preparados pelos 15 Centros de Educação Infantil da rede municipal. Os presentes foram preparados com muito carinho e capricho, e com certeza vão encantar e entreter os pequenos alunos.

Os cantinhos são: Bandinha (CEI Profª Ester Nunes de Souza – Sertão dos Tourinhos), Trânsito (CEI Profª Aparecida Maria Pires de Meneses – Olaria), Jogos Divertidos (CEI João Bolinha – Casa Branca), Cantinho da Leitura (CEI Messias Mendes de Souza – Ipiranga), Bebeteca (CEI Profª Santina Nardi Marques – Estrela D`Alva), Quarto da Casinha (CEI Profª Honorina Pacheco Corrêa – Rio do Ouro), Ateliê das Artes (CEI do Tinga), Do meu nariz cuido eu (CEI do Poiares), Receitinha da Vovó (CEI Severino Vitoriano dos Santos – Jardim Gaivotas), Toque da Borboleta (CEI Profª Maria Carlita Saraiva Guedes – Morro do Algodão), Sala da Casinha (CEI Profª Thereza Yanesse – Porto Novo), Camarim da Beleza (CEI João Lino da Cruz – Barranco Alto), Quitandinha (CEI Profª Regina Célia – Travessão I), Baú de Histórias (CEI Leonor Mendes de Barros – Travessão II) e Cantinho das Fantasias (CEI Profª Célia Rocha Lobo – Perequê-Mirim).

Capricho – A Oficina Fazendo Arte, da secretaria de Educação, confeccionou as cortinas e almofadas com o tema “fundo do mar” para o CEI (Centro de Educação Infantil) do CIDE Centro (Centro Integrado de Desenvolvimento Educacional).

Tartarugas, peixes e estrelas do mar ilustram 150 cortinas, 120 almofadas, 70 jogos para sofás e 40 móbiles. Tudo confeccionado com carinho pelas mãos habilidosas de sete costureiras e três bordadeiras.

Fonte: PMC

terça-feira, julho 23, 2013

Dominguinhos morre em São Paulo aos 72 anos

 Daniel Mello
Repórter da Agência Brasil

São Paulo - O sanfoneiro, compositor e cantor José Domingos de Moraes, o Dominguinhos, morreu hoje (23), às 18h, em decorrência de complicações infecciosas e cardíacas. Ele estava internado no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, desde o dia 13 de janeiro, quando foi transferido do Hospital Santa Joana, no Recife.
A morte do cantor de 72 anos foi confirmada pelo Sírio-Libanês, que emitiu a nota de falecimento às 19h50.
Dominguinhos passou mal poucos dias após show, em 13 de dezembro, em homenagem a Luiz Gonzaga, na cidade de Exu (PE). O artista teve várias paradas cardíacas e foi hospitalizado, capital pernambucana, com quadro de arritmia e infecção respiratória, complicações de um câncer de pulmão.
O artista tinha mais de mais de 50 anos de carreira – sua primeira gravação foi aos 16 anos, em um disco de Luiz Gonzaga. Colecionou prêmios, entre eles o Grammy Latino de Melhor Disco Regional, em 2002, com Chegando de Mansinho; o Prêmio da Música Brasileira, conquistado em 2008; e o Prêmio Shell de Música, em 2010.
Foto: Wikipédia

Entre suas composições mais conhecidas estão De Volta pro Aconchego, Isto Aqui Tá Bom Demais, Gostoso Demais (parcerias com Nando Cordel), Abri a Porta (com Gilberto Gil), Quem Me Levará Sou Eu (com Manduca), Eu Só Quero Um Xodó e Tenho Sede (ambas com Anastácia).
Edição: Juliana Andrade e Carolina Pimentel 

Fonte: Agência Brasil

segunda-feira, julho 22, 2013

Papa Francisco desfila de papamóvel pelas ruas do centro do Rio


Alana Gandra
Repórter da Agência Brasil
Rio de Janeiro – O papa Francisco percorre, neste momento, as ruas do centro da capital fluminense. Ele recebe o aceno de milhares de pessoas que se concentram nas calçadas. O desfile do papa começou na Catedral Metropolitana, onde ele embarcou no papamóvel, depois de ter percorrido de carro fechado o trajeto da Base Aérea do Galeão, na Ilha do Governador, até o centro do  Rio. 
Foto: Cristina Índio do Brasil/ABr

Francisco chegou à capital fluminense pouco antes das 16h, desembarcando na Base Aérea do Galeão, onde foi recebido pela presidenta Dilma Rousseff, o vice-presidente Michel Temer, o governador Sérgio Cabral Filho, o prefeito Eduardo Paes e outras autoridades, além do arcebispo do Rio, dom Orani João Tempesta, do cardeal dom Raymundo Damasceno, presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e do presidente do Pontifício Conselho para Leigos, cardeal Stanislaw Rylko. Esta é a primeira visita oficial do sumo pontífice ao Brasil desde que foi eleito, em março passado.
Cerca de 400 homens da Polícia Militar e dois helicópteros fazem a escolta do papa.

Edição: Aécio Amado

Fonte: Agência Brasil 

domingo, julho 21, 2013

Inscrições para o VI Concurso de Ingresso na Carreira de Defensor começam dia 25 de julho



A Defensoria Pública de SP divulgou o edital de abertura do VI Concurso de Ingresso na Carreira de Defensor Público do Estado de São Paulo. O edital foi publicado no sábado (13/7) no Diário Oficial do Estado.

As inscrições poderão ser realizadas entre as 10h do dia 25/7/2013 e as 14h do dia 23/8/2013 (horário de Brasília) exclusivamente pela internet, pelo site da Fundação Carlos Chagas, realizadora do

O concurso visa o preenchimento de 90 cargos atualmente vagos e de outros que se abrirem ou forem criados dentro do prazo de validade do concurso. Há reserva de 5% das vagas para candidatos com deficiência. Os requisitos para a solicitação estão previstos no edital do concurso.

Para se inscrever, o candidato, entre outros requisitos, deve ser bacharel em direito e ter pelo menos dois anos de prática jurídica. O concurso terá três provas escritas e uma prova oral, todas de caráter eliminatório e classificatório, bem como avaliação de títulos.
A aplicação da primeira prova – escrita objetiva – está prevista para 22/9/2013.

O prazo de validade do concurso será de 2 anos, a partir da publicação oficial de seu resultado –  podendo ser prorrogado, por igual período e uma única vez, a critério do Conselho Superior da Defensoria Pública do Estado.

O valor de inscrição é de R$ 220,00 – o edital prevê casos de isenção ou de redução do pagamento, conforme previsões da legislação estadual.

Acessibilidade

A Defensoria Pública de SP promove condições inovadoras de acessibilidade para pessoas com deficiência em seu Concurso de Ingresso na Carreira de Defensor Público do Estado. O edital do VI Concurso prevê a realização de provas em linguagens como braile e libras, além de outras formas de suporte especializados.

Os candidatos com deficiência física também podem solicitar mobiliário adaptado e espaços adequados à realização da prova, além da designação de um fiscal para auxiliar em seu manuseio.
As regras que garantem a acessibilidade em concursos da Defensoria foram aprovadas em agosto de 2010 e serão aplicadas pela segunda vez. O V Concurso de Ingresso na Carreira de Defensor também já previa a utilização dessas normas.

Os candidatos com deficiência podem concorrer, ainda, às vagas reservadas a esse público – 5% do total, conforme previsto pela Constituição Federal, também submetidas aos critérios e notas mínimas de avaliação de todas as etapas. Os requisitos para a solicitação estão previstos no edital do concurso.

Fonte:  Defensoria Pública de SP

sábado, julho 20, 2013

Detran.SP abre concurso público com 1.200 vagas para todo o Estado de São Paulo

Novos funcionários da autarquia terão salário de até R$ 4,5 mil e poderão escolher entre 217 cidades.

As inscrições para as 1.200 vagas do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran.SP)  poderão ser feitas a partir de 22 de julho, no site da Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista (Vunesp), organizadora da seleção.

As vagas destinam-se às unidades do Detran.SP de 217 cidades, distribuídas pela Região Metropolitana de São Paulo e as 14 regiões administrativas do Estado, com contratação sob o regime celetista e carga semanal de 40 horas.

Do total de cargos oferecidos, 600 serão para oficiais de trânsito (nível médio), com salário inicial de R$ 1,8 mil, e 600 para agentes de trânsito (nível superior com formação em qualquer área), com vencimentos de R$ 4,5 mil. O concurso terá reserva de 5% das vagas para pessoas com deficiência.

As taxas de inscrição serão de R$ 42,50 para nível médio e R$ 63,50 para nível superior, e poderão ser pagas em dinheiro ou cheque, em qualquer agência bancária. O candidato poderá prestar o concurso para as duas carreiras. A seleção terá validade de um ano, prorrogável por mais um.

“O concurso é mais um passo importante na reestruturação do Detran, pois os profissionais que ingressarem vão reforçar o quadro de pessoal das unidades em todo o Estado, permitindo ampliar o nosso novo padrão de atendimento, com foco prioritário no cidadão", ressalta Daniel Annenberg, diretor-presidente do Detran.SP.

Região de Taubaté - Aparecida; Caçapava; Campos do Jordão; Caraguatatuba; Cruzeiro; Guaratinguetá; Jacareí; Lorena; Pindamo­nhangaba; São José dos Campos; São Luiz do Paraitinga; São Sebastião; Taubaté; e Ubatuba

Inscrições
As inscrições começam às 10h do dia 22 de julho e poderão ser feitas até as 16h do dia 16 de agosto, no site http://www.vunesp.com.br/. Para participar do concurso, é preciso ter mais de 18 anos, estar com o CPF regular, não possuir antecedentes criminais e estar em dia com a Justiça Eleitoral, entre outros requisitos. Os candidatos à carreira de agente de trânsito devem ter Carteira Nacional de Habilitação (CNH), no mínimo, na categoria B.
No momento da inscrição, o candidato deverá optar por uma das regiões listadas no edital. Os aprovados poderão escolher o município de atuação dentro da região escolhida, se houver vagas disponíveis.
Quem comprovar ter doado sangue pelo menos três vezes nos últimos 12 meses poderá pedir a isenção da taxa de inscrição. Cidadãos regularmente matriculados no ensino médio, curso pré-vestibular ou superior poderão ter 50% do valor reduzido, desde que estejam desempregados ou recebam até dois salários mínimos, devendo comprovar a situação de acordo com as especificações do edital.
Essas solicitações deverão ser feitas entre as 10h do dia 10 de julho e as 23h59 do dia 22 de julho, no site da Vunesp, no link “solicitação de isenção/redução do valor da taxa de inscrição”. O resultado será divulgado pela organizadora do concurso no dia 8 de agosto.

Confira a divisão das vagas em todo o Estado:
Região Administrativa
Vagas de nível médio (Oficiais de Trânsito)
Vagas de nível superior (Agentes de Trânsito)
RMSP
121
212
Araçatuba
12
16
Barretos
12
13
Bauru
28
23
Campinas
181
96
Central
24
23
Franca
16
12
Marília
13
20
Presidente Prudente
12
17
Registro
5
7
Ribeirão Preto
24
22
Santos
21
23
São José do Rio Preto
23
33
Sorocaba
71
54
São José dos Campos
37
29
Total
600
600


Provas
As provas para agentes de trânsito devem ocorrer em 29 de setembro e para oficiais de trânsito, em 6 de outubro. Os testes serão compostos por questões de conhecimentos gerais e específicos, além da avaliação de títulos – que somará até 2,5 pontos na nota de quem comprovar experiência na área de trânsito dos setores públicos ou privados.
Português, Matemática, noções de Informática e Legislação estão entre os conteúdos comuns que cairão na prova para os dois cargos. O candidato a agente de trânsito também responderá a questões sobre Direito Administrativo e Gestão Pública. O conteúdo programático completo pode ser consultado no edital.
A Fundação Vunesp disponibiliza um telefone para tirar dúvidas dos candidatos, o Disque Vunesp, com atendimento de segunda a sexta-feira, das 8h às 20h. O número é (11) 3874-6300.

Detran.SP

O Detran.SP é uma autarquia do Governo do Estado de São Paulo, vinculada à Secretaria de Planejamento e Desenvolvimento Regional.

 Fonte: Detran/SP


Monalyza Alcântara é coroada Miss Brasil em Ilhabela

F otos: Divulgação/PMI Legenda 1: Miss Piauí irá representar o  Brasil no Miss Universo Legenda 2: A Miss Brasil, Monalyza Alcântara ac...